Renato fala sobre &̶obrigação&̶ de vencer a Libertadores e projeta a final: &̶Não vejo favoritos&̶







loading=lazyA final da Copa Libertadores entre Palmeiras e Flamengo está muito próxima. Em sua última entrevista coletiva antes da decisão, Renato Gaúcho projetou o confronto frente ao rival paulista em Montevideo.

#8221;Eu não vejo favorito. Independente de quem vem vencendo ou perdendo seus jogos. Não existe favorito porque são duas grandes equipes com jogadores a nível de Seleção Brasileira. São os últimos dois clubes que foram campeões da Libertadores. As duas equipes chegam com méritos#8221;, comentou.

nbsp;

Atualmente, Renato vive muita pressão no cargo de treinador o Flamengo. Principalmente após resultados negativos no Campeonato Brasileiro, que deixaram o terceiro título consecutivo da equipe muito distante. O técnico falou sobre a pressão e afastou a ideia de que vencer a Libertadores é obrigação.

#8221;Obrigação nós temos de trabalhar todo o dia e buscar sempre os melhores resultados para o clube. É para isso que trabalhamos. Para dar resultados e títulos de presente ao nosso torcedor. Ninguém entra em campo para perder, a gente trabalha para ganhar, mas os adversários também. O mais importante é que o Flamengo chegou na final por méritos#8221;, analisou.

Renato falou ainda sobre a possibilidade de perder seu cargo em caso de derrota na decisão.

#8221;Quem tem que responder essa pergunta é o Marcos Braz, junto com o presidente. Minha consciência está bem tranquila do trabalho que a gente vem realizando. Os números estão aí e não mentem. Mas eu já estou vacinado contra essa pergunta, minha cabeça está totalmente voltada para minha decisão. Quero ser campeão trabalhando pelo Flamengo. Minha consciência está tranquila, jamais vou pensar o que vai acontecer comigo depois desta partida#8221;, disse.

nbsp;

Abordando mais um tema polêmico, Renato respondeu às insinuações de que teria entregado a partida contra o Grêmio, última antes da final. O Flamengo vencia com tranquilidade por 2 a 0, mas sofreu o empate.

#8221;O que eu posso falar para alguns colegas teus (jornalistas) que insinuaram é que, em primeiro lugar, não entendem nada de futebol. Em segundo lugar, são escrotos. Não tem um que está na minha frente hoje para me perguntar diretamente sobre aquela partida#8221;, disparou.

Voltando a falar sobre a final, o treinador comentou sobre a condição de seus atletas. Bruno Henrique e Arrascaeta, votando de lesões, são dúvidas. Porém, ainda assim, Renato garantiu que terá todos seus jogadores à disposição.

#8221;Tudo que a gente poderia ter feito para recuperar os jogadores a gente fez. Lógico que não vou falar quem está ou não 100%. O mais importante é que todo o meu grupo está à minha disposição para a partida de amanhã#8221;, disse.

#8221;A gente fez a programação de acordo com o que precisávamos. Alternamos a equipe no Campeonato Brasileiro de três em três dias para que a gente pudesse recuperar todos os jogadores. Fizemos tudo. O torcedor pode esperar uma garra e uma entrega muito grande#8221;, continuou.

nbsp;

Renato falou ainda sobre a dúvida que tem quanto a Michael, que vem fazendo belíssimas atuações durante a ausência de Bruno Henrique na equipe titular. O treinador despistou sobre quem será o escolhido, no que classificou como #8221;dor de cabeça que todo treinador gosta de ter#8221;.

#8221;Eu fico muito feliz por termos recuperando o Michael. Quando chegamos ao Flamengo, sei em que estágio ele estava e sei em que estágio ele se encontra hoje. O importante é ter recuperado mais um jogador, no caso o Michael. Mas o Flamengo tem Arrascaeta, tem Bruno Henrique, tem Gabigol, tem Pedro, tem Everton. São Jogadores muito acima da média. Essa é uma dor de cabeça que todo treinador gosta de ter. Infelizmente não sou eu que faço as regras, só podem começar 11 jogadores#8221;, disse.

Com todos os preparativos prontos para a final, a bola rola neste sábado, às 17h (de Brasília), no Estádio Centenário, em Montevideo, capital do Uruguai. Tanto Palmeiras quanto Flamengo vão em busca de seu terceiro título de Libertadores na história.

nbsp;

nbsp;

nbsp;

O post Renato fala sobre #8221;obrigação#8221; de vencer a Libertadores e projeta a final: #8221;Não vejo favoritos#8221; apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.