Diretor do Grêmio critica presidente do STJD: &“Não tem condições de estar onde está&̶







loading=lazyNesta quinta-feira, o diretor jurídico do Grêmio, Nestor Hein, criticou o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJD), Otávio Noronha, em entrevista para a Rádio GreNal. O dirigente do Tricolor Gaúcho disse que Noronha #8220;criou toda essa situação vexatória no futebol brasileira#8221;, em referência à permissão para o Flamengo ter público em seus jogos.

#8220;Ele tinha todo o colegiado contra ele, esse meninão aí. Não tem condições de estar onde está, não tem bunda para aquela cadeira. Ele que criou toda essa situação vexatória do futebol brasileiro#8221;, afirmou Nestor Hein.

O Flamengo havia recebido aval do STJD para ter público em suas partidas como mandante, assim como da prefeitura do Rio de Janeiro. 17 clubes, com exceção do próprio Rubro-Negro, Atlético-MG e Cuiabá, entraram com uma ação para derrubar a liminar, a fim de que a liberação de público seja feita de maneira conjunta.

Incialmente, Otávio Noronha manteve a decisão favorável ao Flamengo. Porém, nesta quinta-feira, por decisão do vice-presidente do STJD, Felipe Bevilacqua, o pedido dos 17 clubes e da CBF foi atendido.

Antes, na quarta-feira, Flamengo e Grêmio duelaram pela Copa do Brasil com torcida no Maracanã. O clube gaúcho ameaçou não entrar em campo, mas jogou normalmente.

O post Diretor do Grêmio critica presidente do STJD: #8220;Não tem condições de estar onde está#8221; apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.